Cortinas para sala

Entre os ambientes de uma casa, sem dúvida nenhuma, a sala é um dos mais
frequentados, é nela que as famílias confraternizam e onde os amigos são recebidos, o
que a torna, com certeza, o local mais visto da casa.

Por isto, nada melhor que um lugar aconchegante e acolhedor, onde todos se sintam à vontade, mas como alcançar esse objetivo?

Uma boa decoração, com um toque pessoal, é fundamental, mas um detalhe, que muitas vezes não recebe o devido valor, tem um papel importantíssimo: as cortinas.

Responsáveis por proteger os móveis e o piso do sol e por dar mais privacidades a ambientes mais expostos à rua e à vizinhança.

Dicas de decoração com cortinas para sala

É verdade que, no final das contas, elas não custam muito barato, mas por seu papel relevante, vale a pena reservar um dinheirinho na hora de redecorar. Escolhendo bem o tecido é possível que os custos sejam até menores.

Mas na hora de comprar ou mandar fazer a sua cortina, o primeiro item que deve ser observado é o caimento. Tecidos muito leves não tem um bom efeito. Os mais grossos e pesados protegem melhor do sol, mantendo a qualidade da luz do ambiente. Além disso, não voam com o vento. Evite tecidos de baixa qualidade, eles vão desbotar com o sol e deixar a sua cortina com um aspecto velho.

A gaze de linho, o algodão ou a seda são opções com qualidade e bom caimento, que dão um ar de leveza ao ambiente. Mas se você precisa bloquear a claridade, para assistir televisão, por exemplo, aposte no brim, seda rústica ou mesmo um forro corta-luz.

Lembre-se que a cortina faz parte da decoração da sua sala, por isto, ela deve combinar com os demais objetos e artigos decorativos do ambiente. Mas caso você tenha alguma dúvida na cor, opte sempre pelo branco, já que é totalmente neutro e vai ornar com qualquer tipo de proposta.

Por outro lado, jamais escolha tecidos muito estampados ou brilhantes, eles não combinam com nada, e se na sua sala há tapetes, a cortina não pode competir com eles: cores fortes na cortina, o tapete deve ter cores claras e vice e versa.

Sobre a altura, o ideal é que a cortina da sua sala se entenda do piso até o teto, ainda que sua janela seja pequena, assim fica mais elegante. Mas lembre-se, a barra não pode arrastar no chão de jeito nenhum e deve terminar mais ou menos um centímetro antes do piso. E se você não quer que o trilho da cortina apareça, mas não tem um teto de gesso rebaixado, pode encomendar um cortineiro simples e fino a seu gesseiro, com altura
entre 10 e 18 cm.

O segredo para escolher a cortina ideal para a sua sala é optar pelo simples e discreto, atributos que são sempre garantia de elegância. Não adianta inventar muita moda, já que cortinas com estilo palácio francês, ficam bem somente em um palácio francês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Consulte o saldo do FGTS http://saldofgts.net.br
Tudo sobre a Nota Fiscal Paulista http://www.paulistanotafiscal.com.br/
Portal de carros no brasil http://www.carrosnobrasil.net
Confira os melhores imóveis no condomínio mais luxuoso da baixada santista Casas em Iporanga Guaruja
Precisando fazer o licenciamento ambiental de sua empresa? Conheça AMBPLUS Consultoria Ambiental
Quer sabe tudo sobre brigada de incêndio? Tudo sobre Brigada de Incendio
Diversos modelos de Poste Solar Só na Ecosoli Energia Solar